Energisa Juntos

Energisa impulsiona talentos da vela brasileira

Grupo dedica uma série de apoios ao esporte que mais trouxe medalhas olímpicas para o Brasil, incluindo o patrocínio às bicampeãs olímpicas Martine Grael e Kahena Kunze, que se preparam para Paris 2024

Publicada em: 05/03/2024

 Categoria:

 Sustentabilidade

 Região: 

Região: 

Brasil

Após uma trajetória de sucesso que culminou com o bicampeonato olímpico nas Olimpíadas de Tóquio 2020, as velejadoras brasileiras Martine Grael e Kahena Kunze estão mirando ainda mais longe: uma terceira medalha de ouro nas Olimpíadas de Paris em 2024, feito que ainda não foi conquistado por nenhum atleta olímpico brasileiro.

A jornada de Martine e Kahena é marcada por uma dedicação incansável e por um histórico de sucesso que as colocou entre as maiores atletas da vela mundial. Filhas dos renomados Torben Grael e Cláudio Kunze, respectivamente, as velejadoras trilharam um caminho de conquistas desde o início de suas carreiras. A mais recente veio nos Jogos Pan-Americanos de Santiago, no Chile, evento em que elas asseguraram a classificação para as Olimpíadas de Paris 2024.

Martine e Kahena contam com o suporte renovado da Energisa, que reconhece o potencial dessas atletas excepcionais. O patrocínio fornece os recursos necessários para treinamento, desenvolvimento de talento e competição em alto nível, e é um símbolo do compromisso do Grupo com o esporte.

A vela é a modalidade que mais trouxe medalhas de ouro para o Brasil em Olimpíadas, num total de 19 medalhas, sendo 8 de ouro. As competições em Paris 2024 acontecerão entre os dias 28 de julho e 8 de agosto, na Marina de Marselha. Neste ciclo olímpico, elas lidam com o desafio de se adaptar às mudanças nos equipamentos da classe com um tempo de preparação mais curto, já que as Olimpíadas de Tóquio 2020 aconteceram no ano seguinte por conta da pandemia.

Além de impulsionar a jornada das bicampeãs olímpicas, a Energisa também investe no futuro da vela brasileira através do apoio à vela jovem. Uma das iniciativas apoiadas pela empresa é a equipe formada por Joana Gonçalves e Gabriela Vassel, talentos que recentemente conquistaram o título na classe 420 feminino do Mundial da Juventude 2023 – mesmo feito conquistado por Martine e Kahena no início de suas carreiras, em 2009. Joana e Gabriela são algumas das mais promissoras apostas no futuro da vela brasileira, e a Energisa está orgulhosa de apoiá-las em sua jornada rumo ao sucesso.

Além do patrocínio a talentos individuais, a Energisa também apoia iniciativas que visam fortalecer a base do esporte, como o patrocínio ao programa da Confederação Brasileira de Vela (CBVela), contribuindo para o fomento da modalidade desde a sua raiz.

Num mundo onde os desafios nos testam a cada virada de vento, os atletas da vela personificam a coragem e a determinação em superar dificuldades e chegar cada vez mais longe. Um esporte que serve de inspiração para o Grupo Energisa e seus colaboradores seguirem desbravando novos horizontes.

Patrocínio, Esporte, Vela

Compartilhe essa notícia